Defesa de Alejandro Valeiko dá entrada em pedido de habeas corpus no STJ

Alejandro Molina Valeiko — Foto: Alailson Santos/PC-AM
Compartilhe

Um mês após a primeira apresentação de Alejandro Valeiko à polícia, a defesa de Alejandro Valeiko entrou com um novo pedido de habeas corpus nesta quinta-feira (7), no Superior Tribunal de Justiça (STJ). O filho da primeira dama de Manaus está preso por suspeita de envolvimento na morte do engenheiro Flávio Rodrigues dos Santos, de 41 anos que ocorreu no dia 29 de setembro deste ano.

Até às 16h04 desta quinta-feira (7) o pedido de habeas corpus já tinha sido distribuído por sorteio ao Ministro Ribeiro Dantas e estava em fase de conclusos para decisão do relator.

No dia 22 de outubro deste ano, a defesa de Alejandro Valeiko já tinha entrado com um outro pedido de habeas corpus, mas foi negado pela justiça.

Além de Alejandro, seguem presos Elielton Magno Menezes Gomes, Elizeu da Paz Souza, José Edvandro Martins de Souza Júnior e Mayc Vinícius Teixeira Parede, suspeitos de participação no crime. Apenas o cozinheiro Vitório Del Gatto teve o pedido de liberdade concedido no dia 1º de novembro, após uma decisão judicial.

Ainda no dia 1º de novembro, o inquérito policial que investiga o crime foi prorrogado por mais 30 dias e a prisão temporária dos investigados também foram prorrogada por mais 30 dias.

*Com informações do G1