Manaus, 20 de janeiro de 2021
PortugueseEnglishSpanish
PortugueseEnglishSpanish

Manaus está entre as cidades escolhidas para construção de hospitais de campanha

blank
Foto: Reuters
Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on reddit
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on skype
Share on email

O Ministério da Economia vai ceder imóveis da União para a construção de hospitais de campanha, em mais uma medida de enfrentamento ao novo coronavírus. São mais de 80 imóveis, inclusive em Manaus no Armazém Central, no bairro Alvorada e na Edificação no bairro Aleixo, já listados, mas o governo deverá ampliar esse catálogo, pois ainda não concluiu o levantamento de potenciais locais a serem usados para o tratamento de pacientes com a Covid-19.
A lista foi um pedido do Palácio do Planalto à SPU (secretaria de coordenação do patrimônio da União) do Ministério da Economia. Caberá aos Ministérios da Defesa e da Saúde analisarem onde poderão ser instalados hospitais de emergência e conforme a necessidade da população.
O levantamento priorizou capitais estaduais e centros urbanos com maior densidade populacional.

Conheça nossos serviços

– Mentorias
– Media Training
– Digital Influencer
– Cerimonialista
– Produção de Vídeos
– Curso – Método da Rosa

Em São Paulo, foram identificados ao menos 20 locais que podem ser usados para esta medida. É o estado com maior número de imóveis – e o maior número de casos de coronavírus.
Uma das localidades disponíveis na capital do estado é uma área da extinta rede ferroviária, que abrigava o Pátio do Pari, ocupado pela antiga Feira da Madruga. Outra opção é o Pátio do Pirituba, na zona norte de São Paulo.
Todos estados têm imóveis a serem cedidos: Rio de Janeiro (5), Minas Gerais (2), Espírito Santo (1), Distrito Federal (2), Goiás (2), Mato Grosso (3), Mato Grosso do Sul (1), Alagoas (2), Bahia (2), Ceará (1), Maranhão (4), Paraíba (1), Pernambuco (3), Piauí (5), Rio Grande do Norte (3), Sergipe (4), Acre (1), Amapá (1), Amazonas (2), Pará (2), Rondônia (4), Roraima (1), Tocantins (1), Paraná (2), Rio Grande do Sul (4), Santa Catarina (2).
No Rio de Janeiro, o governo pretende usar o edifício A Noite, localizado na praça Mauá e que está desocupado e com elevadores funcionando. A região é próxima de hospitais.
Em Alagoas, Rondônia e Paraná, foram identificados estádios de futebol que podem receber a estrutura de um hospital de campanha.
Alguns imóveis entrariam em processo de licitação ou já estavam com contrato de cessão assinados. O governo conseguiu adiar esses contratos para que a área seja usada no combate à pandemia.
VEJA A LISTA DE IMÓVEIS:
Amazonas- Armazém Central em Manaus, bairro Alvorada- Edificação em Manaus no bairro Aleixo. São Paulo– Área que abrigava pátio ferroviário denominado Pátio do Pari, ocupado pela antiga Feira da Madruga. Localizada na Avenida do Estado, corredor central que liga a zona norte a zona sul- Edificação localizada na Rua Joaquim Forzano. Localizado no extremo sul da capital paulista, na periferia da cidade, no Jardim Rubilene.- Pátio Ferroviário de Pirituba, localizado na Av. Mutinga, na zona norte da cidade- Sítio do Buracão, localizado na Via Anhanguera, onde funcionavam as antigas instalações da Unifesp- Terreno do Hospital Manoel de Abreu, localizado no município de Bauru- Galpão do extinto Instituto Brasileiro do Café, em Campinas- Terreno de 7,8 mil m² vazio e sem edificações no município de Mauá, no bairro Parque das Américas- Terreno plano e pavimentado de 2,3 mil m² no Município de Mogi das Cruzes- Terreno sem benfeitorias de 20,7 mil m² em Piracicaba- Galpão de 5,5 mil m² no município de Presidente Prudente- Edifício com área construída de 4,2 mil m² no Município de Ribeirão Preto- Imóvel térreo, recém reformado, com área de 900 m² no município de Santos- Edificação de 300 m² no município de Santos, na Avenida Ana Costa- Associação Atlética dos Portuários, em Santos. Imóvel da União, ocupado por clube, com grande ginásio esportivo- Terreno de 2,7 mil m² em São José dos Campos- Terreno com 45 mil m² no parque da cidade de Mogi das Cruzes- Edificação no Centro Artemis de Piracicaba- Edifício com área construída de 1,9 mil m² e três pavimentos no município de São Bernardo do Campo- Terreno de 27,4 mil m² no município de Campinas- Terreno de 379,6 mil m² com área construída de 13 mil m² em Campinas, ocupado pelo Parque Tecnológico (CTI)Rio de Janeiro- Edifício A Noite, localizado na praça Mauá, no Rio. Possui seis elevadores funcionando e encontra-se desocupado- Galpão da Cidadania, localizado na Avenida Barão de Tefé, no centro do Rio de Janeiro- Antigo Caserj, no airro da Saúde, na região central do Rio conhecida como Porto Maravilha- Área da Quinta da Boa Vista no bairro de São Cristóvão, na capital do estado- Parque Olímpico da Barra, Rio de JaneiroMinas Gerais- Área da extinta rede ferroviária localizada no bairro Belvedere, em Belo Horizonte- Edifício Chagas, localizado na rua Sapucaí, no bairro de Floresta, em Belo HorizonteEspírito Santo- Terreno com 6,6 mil m² no município de Vitória, no bairro Santa Lúcia. Fica próximo ao hospital Infantil Nossa Senhora da GlóriaDistrito Federal- Edificação onde funcionava o Centro de Treinamento do Ministério da Educação, no bairro Asa Sul- Clube do Servidor, encontra-se vago. Fica no Setor de Clubes Norte, em BrasíliaGoiás- Galpão para depósito no município de Anápolis-Edificação térrea em Goiânia, localizado na BR 153Mato Grosso- Imóvel urbano em Cuiabá com 3, 2 mil m², onde funcionou a escola estadual Barão de Melgaço- Terreno no município de Várzea Grande 6 mil m²- Terreno de 6,0 mil m² no município de Várzea GrandeMato Grosso do Sul- Imóvel localizado no município de CorumbáAlagoas- Estádio Rei Pelé, em Maceió- Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, em MaceióBahia- Área da casa da Mulher Brasileira, em Salvador- Prédio Antiga sede do DNIT, em SalvadorCeará- Edificação térrea localizada em Fortaleza, no bairro da AldeotaMaranhão- Edifício com área construída de 28,9 mil m² onde funcionava a sede do Incra, em São Luís- Estacionamento no Aterro do Bacanga, em São Luís- Antigo armazém da Embrapa em Imperatriz- Campo de futebol com área de 5,9 mil m² no município de ImperatrizParaíba- Edificação localizada em João PessoaPernambuco- Edifício Sudene, na Cidade Universitária, em Recife- Terreno em Recife localizado no bairro do Cabanga- Terreno em PetrolinaPiauí- Terreno vago, sem benfeitorias em Teresina com área total de 27 mil m²- Edifício com oito pavimentos no centro de Teresina, no centro da cidade- Terreno em Teresina com área construída de 3 mil m²- Terreno em Parnaíba com área de 3 mil m²- Terreno vago sem benfeitorias no município de Parnaíba, com área de 17,4 mil m²Rio Grande do Norte- Terreno de 19 mil m² em Natal, no bairro Alecrim- Terreno de 4,1 mil m² em Natal, no bairro Tirol- Terreno de 14,2 mil m² em MossoróSergipe- Quatro lotes no bairro de Ponto Novo, em Aracaju- Edificação no município de Poço Verde- Imóvel com área de 30 mil m ² em Aracaju, no bairro Coroa do Meio- Edificação localizada na Praça Fausto Cardoso, no centro de AracajuAcre- Parque de Exposições Wildy Viana (Expoacre), em Rio BrancoAmapá- Terreno sem edificações localizado às margens da Rodovia Norte/Sul, em Macapá.Pará- Terreno de 10,8 mil m² na Travessa 14 de março, em Belém- Terreno de 37 mil m² com edificações de 8 mil m² localizado na Rodovia Arthur Bernardes, em Belém; obra paralisada, com aproximadamente 90% de suas instalações físicas prontasRondônia- Estádio de Futebol Aluízio Ferreira em Porto Velho- Ginásio Cláudio Coutinho, em Porto Velho- Estacionamento do Complexo Espaço Alternativo de Porto Velho- Área de 14 mil m² entre as edificações da sede do Incra em Porto VelhoRoraima- Terreno sem edificações com área de 146, 4 mil m², em Boa VistaTocantins- Terreno comercial de 6 mil m² localizado na região central de PalmasParaná- Terreno em Curitiba que funcionou como pátio de carros da antiga revenda Dipave- Estádio Futebol Durival Britto e Silva, em CuritibaRio Grande do Sul- Edificação de 17 pavimentos com área construída de 8,2 mil m², localizada na Praça Rui Barbosa, em Porto Alegre– Terreno de 1,5 mil m² sem edificações em Porto Alegre- Terreno de 845m ² sem edificações em Porto Alegre- Terreno sem edificações de 4,3 mil m ² em Porto AlegreSanta Catarina- Terreno desocupado sem edificações no município de Araranguá- Terreno com 980 m² em Blumenau.
Redação e Folhapress

Voce pode gostar também!

Estamos ao vivo clique aqui!

Conheça meus serviços

É um serviço especializado realizado por mim Jornalista Marcela Rosa , especialista em telejornalismo e produção de vídeos e textos para vídeos e TV, Na minha mentoria on line eu vou te orientar de forma individualizada nos seus trabalhos de vídeo ou ainda de textos para TV ou internet.

Nas Redes Sociais, como jornalista,eu atuo de uma forma diferenciada. Na verdade, uso a minha imagem e o meu texto (fala) como “referência” digital para produtos e serviços que coadunam com meu perfil de mulher adulta, mãe e profissional da comunicação.

O Cerimonial de uma jornalista busca sempre aliar competência e credibilidade com a imagem e a voz que vão representar empresas e organizações.

O meu maior Knowhow é sem dúvida a produção, redação e apresentação de vídeos jornalísticos. E todo este conhecimento é reproduzido nas propostas institucionais.

Iniciar Atendimento
1
Olá bem-vindo ao Portal da Marcela Rosa!

Em que podemos te ajudar? Os nossos serviços são:

- Mentorias em telejornalismo e produção de vídeos e textos para vídeos e TV.
- Média Training
- Digital Influencer
- Cerimonialista (Português, Inglês e Espanhol)
- Produção de vídeos

Estamos a disposição para atendê-lo, aguardamos você!