Manaus, 7 de dezembro de 2021
PortugueseEnglishSpanish
PortugueseEnglishSpanish

Jogos Universitários chegam ao final em Brasília

Foto: Reprodução
Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on skype
Share on email

A 68ª edição dos Jogos Universitários Brasileiros (JUBs) terminou na noite deste domingo (17), em Brasília. As disputas envolveram, durante 8 dias, estudantes de 400 instituições que são esportistas tradicionais, eletrônicos e adaptados de 26 modalidades diferentes. A próxima edição será em 2022, e sete cidades disputam o direito de sediar a competição: Aracaju, Vitória, Joinville, Goiânia, Rio Verde, Gramado e Santa Maria.

“Ao longo do processo, apenas um município de Goiás e do Rio Grande do Sul será indicado. Depois, vamos visitar cada um dos locais para conhecer as instalações e as condições técnicas de cada uma delas. Prefeitos e secretários municipais, inclusive, já estiveram aqui defendendo suas candidaturas”, explicou o presidente da Confederação Brasileira do Desporto Universitário, Luciano Cabral, creditando a disputa pelo evento não só ao impacto econômico gerado na economia local. “Isto reflete o sucesso dos JUBs. Esta edição foi especial, pois ainda não saímos definitivamente de uma pandemia mundial. Tomamos todas as providências e buscamos todos os meios para garantir a segurança de todos, com testes, exigência do cartão de vacinação. Percebemos e sentimos que foi uma das maiores e melhores edições dos jogos”, afirmou.

Já a secretária de Esporte e Lazer do Distrito Federal, Giselle Ferreira, destacou a luta e o trabalho de muitos meses para oferecer a melhor estrutura aos competidores: “O esporte sofreu muito com a pandemia. Ele é transformação social e saúde, e queremos colocar Brasília na rota dos grandes eventos esportivos”. Segundo cálculos da Secretaria de Turismo do DF, os Jubs movimentaram mais der R$ 12 milhões dentro da cadeia econômica local.

Somados atletas, árbitros, técnicos, voluntários e organizadores, cerca de 4,5 mil pessoas participaram do evento. Duas mil medalhas foram distribuídas aos jovens, que, em sua maioria, não pretendem se tornar competidores de alto rendimento, mas conciliar educação e esporte ao longo da vida.

Os participantes também puderam ver estrelas como Daiane dos Santos, Fabi, Maurício, Fofão, Emanuel, além de destaques dos e-sports como Ana Xisdê e Pimpimenta.

Voce pode gostar também!

Estamos ao vivo clique aqui!

Conheça meus serviços

É um serviço especializado realizado por mim Jornalista Marcela Rosa , especialista em telejornalismo e produção de vídeos e textos para vídeos e TV, Na minha mentoria on line eu vou te orientar de forma individualizada nos seus trabalhos de vídeo ou ainda de textos para TV ou internet.

Nas Redes Sociais, como jornalista,eu atuo de uma forma diferenciada. Na verdade, uso a minha imagem e o meu texto (fala) como “referência” digital para produtos e serviços que coadunam com meu perfil de mulher adulta, mãe e profissional da comunicação.

O Cerimonial de uma jornalista busca sempre aliar competência e credibilidade com a imagem e a voz que vão representar empresas e organizações.

O meu maior Knowhow é sem dúvida a produção, redação e apresentação de vídeos jornalísticos. E todo este conhecimento é reproduzido nas propostas institucionais.

Iniciar Atendimento
1
Olá bem-vindo ao Portal da Marcela Rosa!

Em que podemos te ajudar? Os nossos serviços são:

- Mentorias em telejornalismo e produção de vídeos e textos para vídeos e TV.
- Média Training
- Digital Influencer
- Cerimonialista (Português, Inglês e Espanhol)
- Produção de vídeos

Estamos a disposição para atendê-lo, aguardamos você!