Manaus, 25 de outubro de 2021
PortugueseEnglishSpanish
PortugueseEnglishSpanish

Mais de 20 milhões de brasileiros enfrentam a fome que atinge também os animais

Fome já atinge 24 milhões no Brasil Foto: Valmir Fernandes/Coletivo Marmitas da Terra
Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on reddit
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on skype
Share on email

Os números crescentes da fome no Brasil medidos pelos institutos de pesquisa chegaram nesta quarta-feira (13/10) a marca dos 24 milhões de brasileiros que não sabem se vão comer nas próximas 24 horas.

Segundo o Inquérito Nacional sobre Insegurança Alimentar do Instituto Penssan, outros 74 milhões de brasileiros acham que em breve também vão passar por dificuldades para se alimentar.

Os resultados da pesquisa mostram que a situação se agravou com a pandemia. 44,8% dos lares tinham seus moradores e suas moradoras em situação de segurança alimentar. Isso significa que em 55,2% dos domicílios os habitantes conviviam com a insegurança alimentar, um aumento de 54% desde 2018 (36,7%).

Outra informação chocante é que além dos humanos, a falta ou deficiência de políticas públicas na área ambiental faz com que a fome no Brasil atinja também os animais. É a primeira vez que um país conhecido pelas suas florestas e biodiversidade passa por uma situação tão grave.

O Pantanal é, sem dúvida, o bioma mais atingido. Equipes de voluntários e ambientalistas trabalham há semanas resgatando e alimentando animais famintos e devastados pela seca que atinge pelo segundo ano consecutivo a planície pantaneira. Até jacarés têm sido removidos porque estavam desnutridos e desidratados, ou seja, morrendo de fome e sede. Ano passado eles se aglomeravam aos milhares em uma lagoa porque estavam morrendo de sede.

Jacarés amontoados enfrentam seca e fome no Pantanal Foto: Fernando Faciole/ Grad

Um estudo realizado por 30 pesquisadores de órgãos públicos, de universidades e de organizações não-governamentais estima que, ao menos, 17 milhões de animais vertebrados morreram por causa das queimadas em 2020.

Ao verem a comida ofertada pelos humanos, “os animais chegam com uma voracidade alarmante, com o desespero da fome”, diz Graça, que é técnico da organização GRAD (Grupo de Resgate de Animais em Desastres).

“O Pantanal perdeu muita árvore frutífera, muito material verde e muita fauna também. Não é natural eles se aproximarem tanto da gente.”

 

Voce pode gostar também!

Estamos ao vivo clique aqui!

Conheça meus serviços

É um serviço especializado realizado por mim Jornalista Marcela Rosa , especialista em telejornalismo e produção de vídeos e textos para vídeos e TV, Na minha mentoria on line eu vou te orientar de forma individualizada nos seus trabalhos de vídeo ou ainda de textos para TV ou internet.

Nas Redes Sociais, como jornalista,eu atuo de uma forma diferenciada. Na verdade, uso a minha imagem e o meu texto (fala) como “referência” digital para produtos e serviços que coadunam com meu perfil de mulher adulta, mãe e profissional da comunicação.

O Cerimonial de uma jornalista busca sempre aliar competência e credibilidade com a imagem e a voz que vão representar empresas e organizações.

O meu maior Knowhow é sem dúvida a produção, redação e apresentação de vídeos jornalísticos. E todo este conhecimento é reproduzido nas propostas institucionais.

Iniciar Atendimento
1
Olá bem-vindo ao Portal da Marcela Rosa!

Em que podemos te ajudar? Os nossos serviços são:

- Mentorias em telejornalismo e produção de vídeos e textos para vídeos e TV.
- Média Training
- Digital Influencer
- Cerimonialista (Português, Inglês e Espanhol)
- Produção de vídeos

Estamos a disposição para atendê-lo, aguardamos você!