Manaus, 12 de agosto de 2020
PortugueseEnglishSpanish
PortugueseEnglishSpanish

‘Foi o depoimento mais contraditório até agora na CPI’, diz deputado sobre declarações da marqueteira Carla Pollake

blank
Foto: Divulgação
Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on reddit
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on skype
Share on email

O deputado estadual Wilker Barreto (Podemos) afirmou nesta segunda-feira, 6 que a sociedade amazonense teve uma participação decisiva e importante durante o depoimento da marqueteira Carla Pollake na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde. Após negar que tenha algum vínculo profissional com o governador do Amazonas, Wilson Lima, várias denúncias foram recebidas pelos membros da comissão que comprovaram, entre fotos, relatos e documentos, que Pollake atua como “número 3” dentro da atual gestão.

“Foi o depoimento mais contraditório até agora na CPI. A depoente chegou achando que só tem besta na CPI, pensou que ia deitar e rolar com seu discurso de comunicadora. A sociedade foi fundamental porque choveu de denúncias nas redes sociais contra essa senhora, o que desmascarou todo o depoimento e que comprova que ela tem carta branca do governador para andar nos corredores do governo, participar de grupos de Whatsapp, colocar e tirar secretários de Estado. Se ela tivesse ficado calada, ela teria se complicado menos, mas preferiu ser arrogante em achar que ia ludibriar por ser da comunicação. Mentira tem perna curta”, explicou o deputado.

Dentre as denúncias enviadas pela sociedade e apresentadas no depoimento da Pollake, estão um cartão de visita com nome da Pollake, com a função de consultora e a logo oficial do Governo do Estado. Outra prova contra a depoente foi a atuação do seu marido, o psicanalista Inácio Ferreira, no projeto Anjos da Saúde, onde uma nota oficial do Governo comprova a contratação de Ferreira no projeto, que custou R$ 6 milhões e está ligado ao seu nome. Apesar de todas as provas contundentes, Carla disse que o marido atua apenas como voluntário no projeto. A marqueteira também relatou que todas as ações que fez em nome do Estado não foram remuneradas, o que para Barreto, não condiz com a verdade.

Conheça nossos serviços

– Mentorias
– Media Training
– Digital Influencer
– Cerimonialista
– Produção de Vídeos
– Curso – Método da Rosa

“Contra fatos, não há argumentos. De forma muito clara, Carla é a primeira lobista oficial com título de santa, porque trabalha de graça, gasta com passagens, hospedagem, tem uma despesa alta com marido e não ganha um real. Está querendo enganar quem, Carla? Esse papo não convence”, disse Wilker, frisando que o próximo passo da CPI será de investigar as movimentações bancárias da marqueteira. “Vamos atrás das movimentações bancárias dela e do esposo, verificar o que entrou na conta desta senhora porque de boa intenção, o inferno está cheio”.

Contra fatos não há argumentos

Durante todo o depoimento, Carla Pollake afirmou que nunca teve interesse em trabalhar para o Governo. Entretanto, no avançar da oitiva, foi  mostrado um cartão com assinatura do Governo do Amazonas, apresentando a marqueteira como consultora. Além disso, o parlamentar exibiu uma foto em que Pollake aparece conduzindo uma reunião numa unidade de saúde e captura de telas que comprovam a forte atuação dela no projeto Anjos da Saúde.

“O cartão é uma prova cabal em que a própria depoente disse que o material de apresentação era usado em reuniões com consentimento do Governador. Ou seja, se ela não era contratada do Estado como insiste em dizer, é no mínimo usurpação de poder público. Tentou tirar vantagem de alguma forma circulando com o cartão entre o Estado e empresas privadas. Além disso, os prints das conversas em grupos no celular mostram que ela administrava o projeto Anjos da Saúde, colhendo informações, direcionando pessoas e até atendimentos. Com bastante clareza, a senhora Carla Pollake cometeu perjúrio hoje na CPI”, frisou Barreto.

Diante das provas, a CPI levará os documentos ao conhecimento do Ministério Público Estadual (MPE-AM), uma vez que as ações de Pollake e o Estado podem caracterizar crime de improbidade, tráfico de influência, falsidade ideológica e, o órgão, tem poder de investigar obtenção de vantagem.

Voce pode gostar também!

Conheça meus serviços

É um serviço especializado realizado por mim Jornalista Marcela Rosa , especialista em telejornalismo e produção de vídeos e textos para vídeos e TV, Na minha mentoria on line eu vou te orientar de forma individualizada nos seus trabalhos de vídeo ou ainda de textos para TV ou internet.

Nas Redes Sociais, como jornalista,eu atuo de uma forma diferenciada. Na verdade, uso a minha imagem e o meu texto (fala) como “referência” digital para produtos e serviços que coadunam com meu perfil de mulher adulta, mãe e profissional da comunicação.

O Cerimonial de uma jornalista busca sempre aliar competência e credibilidade com a imagem e a voz que vão representar empresas e organizações.

O meu maior Knowhow é sem dúvida a produção, redação e apresentação de vídeos jornalísticos. E todo este conhecimento é reproduzido nas propostas institucionais.

Playlist - Manchetes da Rosa

Iniciar Atendimento
1
Olá bem-vindo ao Portal da Marcela Rosa!

Em que podemos te ajudar? Os nossos serviços são:

- Mentorias em telejornalismo e produção de vídeos e textos para vídeos e TV.
- Média Training
- Digital Influencer
- Cerimonialista (Português, Inglês e Espanhol)
- Produção de vídeos

Estamos a disposição para atendê-lo, aguardamos você!